material:

tear de mesa: 40, 60 , 80 cm
navetes de vários tamanhos
pente fino (tecidos)
pente grosso (tapetes)

fios: lã, seda, algodão
barbante
agulhas de crochê
tesoura
caderno, caneta ou lápis
pente
fita métrica

técnicas: Mexicano * Kilim * Jacquard

Mantas, cachecóis, écharpes, ponchos, cangas, jogos-americanos.
A tecelagem manual trabalha com coordenação e equilíbrio, nos ajudando na definição e finalização.

Advertisements

tecelãs

28Dec09

Encontrei esta foto numa viagem a Itália. A tecelagem apareceu na minha vida numa época em que fui em busca do que no mundo exterior espelhasse uma realidade interior.

A trama envolve fios verticais, que se definem no início do trabalho a ser feito (o urdume). A seguir se inicia a trama, as navetes seguem sempre um determinado ângulo; tecendo desenhamos um tapete ou tecidos, cangas para o verão, mantas de bebe, a finalidade se determina no projeto inicial que envolve cálculos e inclui perdas. O que diferencia tecidos de tapetes é principalmente a batida, forte nos tapetes e delicada nos tecidos.

A escolha de fios e cores: podem ser fios industrializados ou feitos a mão, em rocas, lã cardada. Para o urdume fios que resistam a tensão, para a trama fios que não travem o pente. Para tecidos pente fino, para tapetes pente grosso, densidade do pente medida em fios/cm.
Cada trabalho conta uma história. No final da trama se cortam os fios, e finaliza-se o trabalho com nós. É preciso medir, e constatar se o projeto inicial foi atingido. Então é usar, presentear, ou vender seus trabalhos.




"Raça preciosa e jamais interrompida de filósofos, aos quais a sabedoria, como outra Ariadne parece ter dado um novelo, que vem se desenrolando desde o início do mundo, através do labirinto de escolhas humanas. Nós os encontramos em todos os tempos, sempre os mesmos, isto é, sempre segundo seu tempo." Notre Dame de Paris, Victor Hugo

tear manual